Clicky

Você está em
4020-9734

Institucional


História

A Universidade Guarulhos – UNG é fruto de uma aposta audaciosa de seis educadores, que, em 1969, arrendaram o antigo Colégio Claretiano de Guarulhos, entidade de educação confessional que entrara em crise no final da década de 60.

Após estabilizar o colégio, em 12 de agosto de 1970, o Ministério da Educação autorizou a abertura da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras Farias Brito, com a oferta de cinco cursos: Pedagogia, Letras, Matemática, Estudos Sociais e Ciências Físicas e Biológicas. Em 30 de agosto do mesmo ano, a Faculdade promoveu o primeiro vestibular da sua história.

Com turmas nos períodos da manhã e da noite, as atividades acadêmicas dos primeiros semestres das graduações iniciaram no dia 21 de setembro de 1970. As aulas eram ministradas no mesmo prédio onde funcionava o Colégio Claretiano – já chamado, também, de Farias Brito. As estruturas eram simples: salas de aula e biblioteca. O ensino, contudo, contemporâneo. Com clareza de interesses e objetivos, os educadores que compunham a administração da Faculdade selecionaram professores com ótima formação e longa experiência para compor o corpo docente da Instituição.

Foram os momentos iniciais de um processo irreversível, reveladores da vocação da Faculdade, sobretudo a maior delas: a de formar profissionais capacitados, preparados ética e tecnicamente para um mercado de trabalho exigente e disputado.

A Farias Brito caminhou a passos largos. Em pouco tempo construiu um complexo educacional em Guarulhos, aumentou a oferta de cursos e incluiu a pesquisa como base de sua educação. Em 1982, a Faculdade é transformada em Centros Integrados de Ensino Superior Farias Brito e, em 1986, é reconhecida como Universidade Guarulhos.

Após décadas de muito trabalho e esforço, surgiram novas circunstâncias e horizontes. Foi preciso adaptar-se à modernidade dos processos e métodos. No contexto da globalização, adotou uma visão mais crítica e experimentada, mas nunca deixou de lado a orientação de seus fundadores, especialmente no que se refere à qualidade de sua educação.  

Em 2014, a UNG passou a fazer parte de um dos maiores grupos educacionais do país, o grupo Ser Educacional. A partir desta data, em um processo de rejuvenescimento da marca, a instituição passou a ser denominada de UNG Universidade.

Hoje, oferece mais de 56 cursos de graduação tradicional e tecnológica, 60 opções de especialização e MBA, três programas de mestrado, além de dois doutorados recomendados pela CAPES/MEC e conceituado entre os melhores do Brasil..

Para atender e formar quase 20 mil alunos, a UNG Universidade conta hoje com mais de 1.500 docentes e colaboradores. Presente em cinco campi, a Instituição possui um Centro de Pós-Graduação, mais de 100 laboratórios, seis clínicas de atendimento à comunidade, Hospital Veterinário, Laboratório de Análises Clínicas, Escritório de Assistência Jurídica, Escritório Modelo de Arquitetura, Brinquedoteca, Centro de Equoterapia, Estação Agroclimatológica, entre outros serviços.

Comprometida, desde o momento de sua fundação, com a população das regiões que a acolhe, a UNG Universidade, valendo-se de seus recursos humanos e materiais e das competências que adquiriu ao longo de sua história, desenvolve uma ampla política de responsabilidade socioambiental. Com suas clínicas e suas unidades de serviço especializadas e por meio de ações, atende às camadas mais desvalidas da população local e regional, oferecendo serviços de apoio à saúde, de lazer e de assistência na área jurídica. Com seus laboratórios e seus especialistas, serve à comunidade ao desenvolver por si e em parcerias com os poderes públicos e empresas, uma ampla gama de projetos voltados à recuperação e à preservação do meio ambiente.